Você está perdendo mais cabelo do que o normal? 

Você notou que há muitos fios restantes em sua escova depois de pentear? 

Se suas respostas forem positivas, você deve começar a agir agora. 

A queda excessiva de cabelo é um problema que vai além da estética. 

Portanto, você deve encontrar a causa de sua queda de cabelo, pois pode ser o resultado de falta de controle hormonal, doença ou deficiência nutricional.

Agora, independente da causa estabelecida, você pode começar a aplicar algumas dicas para controlá-la. 

Embora não possam impedir a queda de cabelo durante a noite, são essenciais para fortalecer o couro cabeludo e, assim, prevenir a queda de cabelo.

Melhorar a nutrição

A comida desempenha um papel muito importante no cuidado do cabelo. 

Portanto, quando se trata do problema da queda excessiva de cabelo, é fundamental melhorá-la 100%. 

Uma pesquisa recente, conduzida pelo Istituto Dermopatico dell’Immacolata (Itália), determinou que dietas ricas em vegetais crus e ervas frescas podem reduzir o risco de alopecia androgênica.

Os resultados mostraram que houve melhor controle da queda excessiva de cabelo quando os participantes consumiram alimentos como salsa, manjericão e saladas verdes, três ou mais vezes por semana. 

Por outro lado, não se deve esquecer que uma boa alimentação para a saúde dos cabelos deve incluir:

  • Fontes de proteínas de alto valor biológico (carnes magras, peixes, legumes, ovos, laticínios com baixo teor de gordura, entre outros).
  • Alimentos ricos em vitamina A, como batata-doce, pimentão e espinafre.
  • Fontes de vitaminas B, C, D, ferro, selênio e zinco.
  • Suplementos ou alimentos à base de biotina (vitamina B7).
  • Você pode usar suplementos para obter um concentrado de vitaminas, minerais e ervas que lutam contra a queda de cabelo.

Leia também: Capimax Funciona?

Para gerenciar o estresse

A exposição constante ao estresse pode ser um dos gatilhos para a queda de cabelo. Por isso, quando você começa a lutar contra a queda de cabelo, é fundamental adotar hábitos para lidar adequadamente com as situações que geram esse tipo de emoção.

Algumas técnicas úteis são:

Pratique exercícios regularmente.

Pratique ioga ou Pilates.

Meditação

Faça exercícios de respiração.

Desfrute de uma sessão de aromaterapia.

Massageie o couro cabeludo

Essa técnica simples melhora a circulação sanguínea nessa área, promovendo o processo de oxigenação dos folículos. 

Você pode complementar a massagem com óleos essenciais nutritivos. 

Algumas opções podem ser: óleo de coco, óleo de amêndoa ou azeite de oliva. 

Faça isso por 3 a 5 minutos, de preferência antes de ir para a cama.

Manutenção do cabelo

O uso excessivo de secadores de cabelo causa a quebra dos fios, o que afeta a queda excessiva. 

Por isso, é importante deixar o cabelo secar ao ar livre, enxugando o excesso de umidade com uma toalha limpa e macia. 

Essa medida evita, entre outras coisas, irritação do couro cabeludo e quebra das pontas.

É importante observar que os penteados que puxam o cabelo como tranças devem ser evitados para prevenir a queda de cabelo.

Em suma…

Aplicar certos tratamentos e hábitos para a queda de cabelo pode ajudar a melhorar os resultados dos tratamentos tópicos. 

No entanto, é importante saber a causa subjacente da queda de cabelo, pois às vezes pode estar relacionada a fatores hormonais ou problemas de saúde.